dicas para multiplicar sua comissão como parceiro da Biz

5 dicas para multiplicar sua comissão como parceiro da Biz

postado em: Crédito | 0

“Resultado é coisa de time” é o primeiro valor e, talvez, quase um mantra repetido aqui dentro da Biz. Colaboração, diálogo e parceria norteiam nosso dia a dia internamente e externamente.  Isto porque a Biz conta com um time grande de parceiros espalhados por todo o Brasil que, depois de cadastrados no Programa de Parceiros da Biz, saem em busca de clientes que estejam a procura de crédito para suas empresas.

Todos os dias converso com alguns destes nossos mais de 200 parceiros para saber como podemos ajudá-los a prospectar novos clientes e também aprender mais sobre seus métodos de trabalho. No contexto atual, identificar empresas com potencial de crescimento, indicá-los para novos negócios com a Biz e, enfim, alcançar a tão desejada comissão, o que não é tarefa fácil e exige persistência.

Num país tão grande e diverso, vocês podem imaginar que escuto as mais diferentes maneiras de se trabalhar e estratégias na busca de novas oportunidades.

Existem desde os parceiros que vão de porta em porta para conversar e conhecer cada detalhe de seus potenciais clientes até aqueles que usam ferramentas elaboradas de marketing digital para alcançar um volume grande de empresas. Cada um tem seu jeito de atuar de acordo com suas experiências prévias e convicções.

Desta troca com nossos parceiros, mapeamos e elencamos aqui algumas dicas que podem ajudar a otimizar seu trabalho e evitar perda de tempo e desgaste com clientes. Anota aí!

1.Seja criativo!

Pequenos empresários costumam desempenhar diversas funções dentro da própria empresa. Os recursos são escassos e, por vezes, por melhor que o negócio esteja caminhando, ser criativo e conseguir ter tempo para pensar em estratégias de crescimento fica em segundo plano. Tente se antecipar e entender quais são as oportunidades para gerar novos negócios para o seu cliente. Traga sugestões, melhorias e novas ideias. Busque dentro de você sua veia empreendedora e assim, seu cliente, também o enxergará como um colaborador e não apenas como um “vendedor de empréstimos”.

2. Abuse da tecnologia

Amplie suas redes de atuação utilizando recursos que a tecnologia oferece. Isso aumenta sua área de alcance, cruza fronteiras e permite que sua rede de contatos se estenda para além da sua capacidade individual. O Marketing Digital é um exemplo perfeito de como simples ferramentas podem levar o seu anúncio a lugares antes não imaginados. O Facebook e o Instagram são ferramentas que podem te ajudar a captar mais clientes.

3. Investigue!

Vista sua capa de detetive, pegue sua lupa  e estude seu potencial cliente. Será ele apto a conseguir um empréstimo? Ele realmente precisa de crédito? A empresa já tem um planejamento financeiro bem elaborado?  Tenha sempre em mente as condições básicas da Biz para clientes aprovados (faturamento mínimo de R$10 mil / mês e CNPJ ativo por mais de 1 ano).
Nos dias de hoje o tempo é nosso ativo mais valioso! Não vale a pena desperdiçar um minuto sequer com clientes que não se enquadrem nas condições mínimas para aprovação de crédito com a Biz.

4. Ative sua rede de contatos

Network é aquela palavra que persegue todo mundo no mundo dos negócios! Sim, o network é necessário, em especial com pessoas que atuam com vendas.

Encontre formas de ativar seus contatos antigos, de outros empregos, vá a eventos temáticos, congressos, feiras ou workshops. Cadastre-se no LinkedIn. Marque um café com seus colegas da última empresa ou um Happy Hour com os amigos da faculdade. Qualquer estratégia é válida para manter ativa e em expansão sua rede de atuação. Sempre “alguém conhece alguém” que está abrindo um novo negócio ou precisando de uma assessoria financeira.

Não se envergonhe! Está aí sua brecha para entregar seu cartão e mãos à obra!

5. Qualificação profissional

Invista em sua formação profissional. Mais do que nunca, o profissional deve se manter atualizado e bem informado não apenas em relação aos fatos e acontecimentos da área que atua mas, principalmente, em relação à evolução das práticas de gestão financeira e legislação vigente. A formação profissional pode então contribuir significativamente nesse processo, uma vez que permite que o parceiro agregue conhecimento capaz de gerar transformação e impacto nos negócios do cliente.

O SEBRAE tem cursos online e conteúdos sobre diversos temas do mundo dos negócios e, o melhor de tudo, são gratuitos. E você também pode ler os conteúdos do blog da BizCapital sobre finanças e redução de custos.

E aí? Gostou? Conheça mais sobre nosso Programa de Parceiros em bizcapital.com.br/parceiros e saiba mais como você também pode alavancar sua rede de contatos para gerar novas fontes de receita para a sua empresa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *