Documentos e Segurança

Dicas de segurança ao pedir um empréstimo online

Não divulgue o seu número de telefone em comentários de posts em redes sociais

Muitos fraudadores se utilizam desses canais para encontrar pessoas que se demonstraram interessadas em um empréstimo online e entram em contato para oferecer uma proposta supostamente muito atraente.

Não acredite em promessas incríveis

Muitos golpistas nem se preocupam em solicitar uma análise de crédito antes de aprovar o seu pedido. Mais uma vez: isso não existe! O que mantém a empresa que irá te fornecer um empréstimo é justamente o valor das parcelas que o cliente irá pagar. Assim, é comum e natural que sejam solicitados documentos que comprovem o seu histórico de crédito e a sua renda mensal.

Não realize nenhum tipo de pagamento ou depósito adiantado

Empresas fraudadoras costumam pedir algum tipo de depósito antecipado para realizar a liberação do crédito. O empreendedor muitas vezes acaba depositando, no entanto esse crédito nunca é liberado e, repentinamente, a empresa facilmente deixa de existir ou, então, se apropria ilegalmente do nome de empresas legais que oferecem crédito ou trabalham no setor financeiro, para facilitar o convencimento de suas vítimas.

Não pague qualquer tipo de taxa de análise

Empresas dentro das legislações brasileiras do ramo financeiro não pedem qualquer tipo taxa para avaliação do crédito da sua empresa. Caso alguém peça uma taxa de processamento, fuja.

Consulte as avaliações da empresa

Busque informações somente no site oficial da empresa

Na internet é possível buscar uma grande variedade de informações sobre qualquer empresa, por isso é recomendável que antes de realizar um financiamento ou um empréstimo, faça uma busca apurada sobre a empresas na internet.

Atente-se para o e-mail da empresa

Empresas fraudulentas costumam utilizar domínios públicos (ex: nome@gmail, nome@hotmail.com, nome@yahoo.com). Empresas confiáveis, legalizadas pelo Banco Central costumam ter domínios privados que se assemelham ao nome da empresa (ex: nome@bizcapital.com.br).

Consulte o CNPJ da empresa na Receita Federal para saber sua veracidade

As empresas que realizam o trabalho de correspondente bancário precisam, previamente, informar ao Banco Central. O cliente pode, também, consultar a Razão Social e o CNPJ da empresa na Receita Federal, com o objetivo de validar a veracidade da informação. Essa informação se encontra nesse link.


Entre em contato conosco

Não encontrou o
que procurava?

Estamos disponíveis em diversos canais para ajudar você:

Rede Sociais