22 mar 2021

Panorama do empreendedorismo feminino no Brasil

Panorama do empreendedorismo feminino no Brasil

Começar o seu próprio negócio não é um caminho fácil, mas para as mulheres, a jornada pode ser ainda mais desafiadora. É o que revela um levantamento realizado pela BizCapital sobre o empreendedorismo feminino no Brasil. O estudo aponta que apenas 30% das empresas brasileiras são lideradas por mulheres, ou seja, mulheres com mais da metade da sociedade do negócio. 

Ainda segundo o levantamento, 45% das empresas apresentam, ao menos, uma mulher no quadro societário. Apesar do número mais elevado, o percentual continua inferior quando comparado aos negócios liderados por homens. 

Quer ver o estudo completo? Então, é só clicar aqui.

Barreiras para o empreendedorismo feminino no Brasil

O empreendedorismo feminino contribui para a diminuição da desigualdade de gênero e no rompimento de estereótipos que ainda estão presentes em nosso país atualmente. De acordo com a Vanessa Medeiros, head de produtos da BizCapital, apesar de  vivermos em uma sociedade com direitos iguais, a prática, isso não resulta nas mesmas oportunidades para homens e mulheres. 

“Na BizCapital, por exemplo, a maior parte dos clientes que solicitam empréstimo empresarial são homens. Considerando que o Brasil é majoritariamente composto por mulheres, cerca de 51%, existe um enorme contingente que poderia contribuir para criar um ambiente mais diverso para o empreendedorismo”, explica Medeiros. 

Leia mais: pedido de empréstimo para pequenas empresas cresce 16%

O retrato da mulher empreendedora 

Vestuário e acessórios é o principal segmento de empresas lideradas por mulheres, ainda segundo o estudo da BizCapital. Gilza Morett tem 58 anos e empreende há mais de vinte como costureira. A empreendedora explica que já sofreu muito preconceito no meio e, até hoje, passa por situações em que a interpretam como frágil, apenas pelo fato de ser mulher. 

“Percebi que, no geral, muitas pessoas acham que eu não dou conta do recado por ser mulher. É muito triste perceber que ainda existe esse tipo de preconceito e que isso é algo imposto pela própria sociedade”, afirma Morett. 

A head de produtos da BizCapital comenta que a dupla (e até tripla) jornada de trabalho, encarada por muitas mulheres em todo o país, também é um dos grandes desafios do empreendedorismo feminino. 

“O ponto mais latente é o fato de que ainda somos, desde crianças, menos estimuladas a entender de assuntos como finanças, negócios e liderança. Somos ensinadas culturalmente que determinadas áreas são destinadas para homens e isto reflete em nossas escolhas. Faltam referências que nos mostrem que é possível chegar lá”, finaliza Medeiros.

Mulheres empreendedoras durante a pandemia

A pandemia do Coronavírus causou impactos bastante significativos, principalmente para as pequenas e médias empresas.. Durante o período mais restritivo de  isolamento social e fechamento de serviços não essenciais, os empreendedores passaram por momentos difíceis ao serem obrigados a manter as portas fechadas.

No setor têxtil não foi diferente, mas existem centenas de casos de empreendedoras de sucesso, como a Gilza Morret, que conseguiu buscar alternativas para lidar com as dificuldades. “Só fica parado quem não procura alternativas. Organizamos nosso negócio para adequá-lo às novas necessidades e demandas de mercado. Passamos a fabricar máscaras de proteção, mudei o nosso estilo de marca, para garantir a produção de roupas confortáveis, e ainda aproveitei para fazer panquecas por delivery”, comenta Morett.

Leia também: como as mulheres empreendedoras estão enfrentando a crise do Coronavírus?

Empréstimo para pequenas empresas

Como você viu no tópico anterior, a pandemia trouxe enormes desafios, demandando muita resiliência e criatividade dos empreendedores. O crédito PJ pode ser uma boa alternativa para o seu negócio em momentos em que você deseja expandir sua empresa, investir em reformas, pagar dívidas ou garantir fluxo de caixa para fazer a operação rodar no dia a dia. 

E dá para pedir o empréstimo empresarial de maneira rápida, simples e sem sair de casa. Na BizCapital, por exemplo, você pode solicitar até R$200mil, com taxas a partir de 1,99%a.m. e parcelamento de até 24 vezes. Todo o processo é feito pelo seu celular ou computador e a resposta sai em poucos segundos. 

Se a sua empresa está no momento de pedir crédito para crescer, investir ou reformar, então é só acessar aqui para solicitar seu empréstimo online agora mesmo.

ver tudo sobre: biz na mídia