18 fev 2021

5 dicas para fazer uma boa gestão de crise

5 dicas para fazer uma boa gestão de crise

Você já sabe o que é gestão de crise?

Qualquer empresa está sujeita a enfrentar fases conturbadas, nas quais é necessário muita adaptação devido às mudanças. No entanto, caso os períodos complicados não sejam gerenciados com atenção e cuidado, o impacto para a empresa e seus colaboradores pode ser ainda maior. 

Nesse texto, você vai aprender o que é a gestão de crise, além de conferir 5 dicas para que você possa implementar esse processo na sua empresa. Veja os tópicos que iremos abordar durante a sua leitura:

  • O que é e como funciona a gestão de crise
  • Quem é o responsável pela gestão de crise na empresa
  • 5 dicas para fazer uma boa gestão de crise

Boa leitura!

O que é e como funciona a gestão de crise 

Ao contrário do que muitos pensam, a gestão de crise não deve ser aplicada somente quando a empresa está passando por um período conturbado. Além de servir para gerenciar essas fases, esse tipo de gestão serve, também, para antecipar os riscos de determinados processos, avaliando os impactos para a sua organização. Tudo isso garante que a sua empresa e os seus colaboradores saibam lidar com imprevistos. 

As crises empresariais podem acontecer por fatores externos ou internos. Um fator externo, por exemplo, seria uma pandemia, como a do Coronavírus, na qual a empresa não pode fazer nada além de se adaptar a esse período. Já um fator interno pode ser classificado por falhas estruturais ou, até mesmo, problemas financeiros por parte da organização. 

Leia mais: como manter um bom fluxo de caixa

Agora que você já sabe o que é a gestão de crise, é essencial que você entenda como ela funciona. Podemos adiantar que essa gestão funciona de forma simples e visa estabelecer uma série de práticas. Por isso, elas devem ser desenvolvidas e sempre aprimoradas para que o impacto da crise não seja tão significativo. 

Responsável pela gestão de crise

O setor de Recursos Humanos é o responsável por estabelecer a gestão de crise na empresa. Dessa forma, o RH e seu time devem estar preparados para agir nesses momentos, sem que a empresa sofra um grande impacto. 

Para que isso seja possível, ao implementar a gestão de crise no seu RH, é importante seguir algumas dicas, que vamos falar ainda neste texto. Acompanhe!

Por que é importante ter uma boa gestão de crise?

Para que você entenda melhor, um bom exemplo que podemos citar é o período de calamidade pública que estamos enfrentando, decorrente da pandemia de COVID-19. Certamente, prever uma situação tão impactante como essa, é praticamente impossível. 

Agora, o que era possível, e muitas empresas fizeram, foi migrar a modalidade de trabalho de seus funcionários para o home office. Quem já trabalhou ou trabalha com RH, sabe que fazer essa transição pode ser bastante turbulenta, principalmente para controlar a jornada de trabalho dos colaboradores.

No entanto, empresas que já trabalhavam a gestão de crise, tiveram um impacto menor, pois já estavam preparadas para essa modalidade de trabalho, utilizando um controle de ponto online, por exemplo. As organizações que também forneciam equipamentos para que os funcionários pudessem realizar as suas atividades profissionais, como tela, notebook e mouse, também tiveram menos trabalho durante essa crise.  

Viu só como a gestão de crise é importante para qualquer empresa?

Como o RH deve ajudar numa crise empresarial

Durante uma crise, o RH é responsável por fazer a gestão e garantir que a organização continue agindo com um propósito, sem que esse período complicado afete mais do que deveria. 

Como você sabe, o RH é uma das áreas mais importantes da empresa. Além de lidar diretamente com os colaboradores, visando mantê-los sempre satisfeitos, essa área trabalha constantemente para manter a empresa funcionando em um estado pleno. Por isso, sempre invista no seu RH e mantenha esse setor atualizado com ferramentas modernas. 

Um exemplo disso, é utilizar um controle de ponto online, como o PontoTel, plataforma que realiza o registro da jornada de trabalho dos colaboradores e ajuda, ainda, no processo de gestão de pessoas, essencial para qualquer empresa, independente de seu tamanho. 

Dicas para fazer uma boa gestão de crise

Para auxiliar a sua empresa na gestão de crise, separamos 5 dicas essenciais que o seu RH pode seguir ao realizar essa gestão.  Nos próximos tópicos, você verá como colocar em prática tudo o que aprendeu durante a sua leitura. Confira!

Crie um manual ou plano de contingência para possíveis crises

É importante que a empresa se prepare antes, principalmente para evitar que o trabalho de gestão de crise só inicie em um período caótico. A melhor forma de fazer isso é criando um manual que pode ser seguido durante as crises. 

Esse manual irá guiar a organização inteira em um momento de crise, ou seja, orientar os colaboradores, líderes e diretoria. Em vista disso, o manual servirá como um plano de contingência, preparado com antecipação, para que todos saibam como agir nesses momentos. 

Tudo isso irá contribuir para preservar a cultura organizacional da empresa, e garantir a segurança dos funcionários, que também podem ficar abalados com a crise. 

Mantenha alinhado a comunicação com a equipe e empresa no geral

Uma das regras fundamentais ao gerir uma crise é manter a comunicação interna em dia. Mas, como assim?

Bom, é importante que os seus colaboradores saibam o que está acontecendo com a empresa, e entendam o seu papel para mudar esse cenário. Afinal, são essas pessoas que fazem a organização funcionar diariamente, seja cumprindo as metas ou garantindo uma alta competitividade de mercado do seu negócio.

Comunique o seu público

Além de comunicar os seus colaboradores, é de suma importância ter uma relação de transparência com os clientes, pois são eles que caminham ao lado da sua empresa, consumindo o seu produto ou serviço. 

Tendo isso em mente, é essencial dar satisfação para essas pessoas, evitando que a crise que a sua empresa está enfrentando se agrave e reflita na imagem do negócio. 

Mantenha o bom funcionamento da empresa

Sabemos que uma crise impacta todos os setores do negócio e manter o foco durante esse período vai ajudar muito. Essa dica vale para que você entenda que os processos devem continuar sendo bem administrados, assim, a sua organização não vai parar de funcionar. 

Portanto, não deixe que a sua empresa se perca na gestão de crise, tenha foco e mantenha um funcionamento pleno, na medida do possível.

Liste as lições que aprendeu com a crise e mude

Após enfrentar uma crise empresarial, você vai aprender diversas lições e estará ainda mais preparado para eventuais situações como a que viveu. 

Tudo em nossas vidas requer aprendizado e amadurecimento. Por isso, para que a sua empresa não cometa os mesmos erros, liste tudo o que você aprendeu com essa crise. Entenda os porquês da crise, avalie com cautela e aplique mudanças na sua empresa, para que a mesma situação não se repita.

Conclusão

Se você seguir todas as instruções que apresentamos ao longo da sua leitura, com certeza, você irá implementar a gestão de crise de forma eficaz na sua empresa e enfrentará esses períodos conturbados com bagagem e experiência. 

Aplique as dicas que você viu por aqui, crie um manual de contingência, mantenha sempre a comunicação interna e aprenda com os seus erros. Só assim o seu negócio estará fortalecido e continuará crescendo. 

Este conteúdo foi produzido em parceria com o time da PontoTel

ver tudo sobre: biz convida