21 ago 2020

Pronampe é estendido por 3 meses para ajudar pequenas empresas

As consequências da crise do Coronavírus continuam “assombrando” os empreendedores brasileiros e o governo prorroga o Pronampe por mais 3 meses
Pronampe é estendido por 3 meses para ajudar pequenas empresas

Fechamos a semana com a notícia que teve destaque na imprensa brasileira nesta última semana (21/08). Afinal, o prazo de operações de crédito no Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe) foi prorrogado por mais três meses. A notícia promovendo a nova data de encerramento foi publicada no último dia 19 de agosto no Diário Oficial da União.

Portanto, o governo reconhece que “ainda há demanda de crédito por parte das microempresas e empresas de pequeno porte para manutenção de suas atividades econômicas”. E a extensão do Pronampe corrobora essa grande necessidade de crédito por parte dos empreendedores brasileiros.

A portaria considera ainda a autorização concedida pelo Congresso Nacional, por meio da aprovação do Projeto de Lei de Conversão nº 28 de 2020, em fase de sanção, para que a União efetive aporte adicional de R$ 12 bilhões no Fundo de Garantia de Operações (FGO) destinados à concessão de garantias no âmbito do Pronampe.

Pronampe e as consequências da crise do Coronavírus para as empresas

Sancionada em maio, a Lei nº 13.999/2020 que criou o Pronampe abriu inicialmente crédito especial no valor de R$ 15,9 bilhões. O objetivo do programa é garantir recursos para os pequenos negócios e manter empregos durante a pandemia do novo coronavírus no país.

Pelo texto, aprovado no fim de abril pelo Congresso, micro e pequenos empresários poderiam pedir empréstimos de valor correspondente a até 30% de sua receita bruta obtida no ano de 2019.

Dessa maneira, caso a empresa tivesse menos de um ano de funcionamento, o limite do empréstimo seria de até 50% do seu capital social ou até 30% da média de faturamento mensal. Número esse apurado desde o início das atividades, o que fosse mais apropriado.

Alternativas de Crédito para Empresas atravessarem a crise

Depois de passados 6 meses do início da crise gerada pela pandemia da Covid-19 no Brasil, muitas empresas continuam carentes de recursos financeiros. Esses negócios seguem dependentes de outras alternativas de crédito para além no Pronompe.

Para ajudar nessa busca, fizemos uma lista com algumas opções de empréstimo para empresas para você empreendedor buscar a ajuda financeira que precisa:

  • BizCapital – Nós, como uma fintech de crédito para pequenas e médias empresas, estamos a topo vapor para ajudar a pontecializar negócios de todo o Brasil, principalmente num momento difícil como este.
  • Sebrae-SP – O programa de Crédito Retomada foi pensado para atender MEI, ME e Produtores Rurais do Estado de São Paulo, diante das adversidades da crise do Coronavírus.
  • Estímulo 2020 – Iniciativa totalmente privada que oferece crédito empresarial para os negócios afetados pela pandemia. Com custos mais baixos e um processo simples, o programa já passou por São Paulo, Minas e agora chegou ao Rio de Janeiro.

Por fim, ter acesso ao crédito neste momento ainda não é uma tarefa fácil. Porém, algumas alternativas estão disponíveis no mercado para ajudar as empresas a continuarem ativas e com suas portas abertas.

Indo além do Pronampe, como podemos ajudar o seu negócio? 

É fundamental entender todas as novidades sobre a Covid-19 e quais são os seus impactos  para a economia brasileira e nas pequenas e médias empresas. Com isso, podemos nos preparar, juntos, para os próximos passos e adaptar os modelos de negócio à nova realidade do Brasil.

A BizCapital, empresa de empréstimos para pequenas empresas, está aqui para para atender os empreendedores brasileiros com capital de giro em todos os momentos. Conheça a Biz!

ver tudo sobre: dicas de gestão